Um blogue mal humorado, com aversão ao abominável modismo do "polìticamente correto" (hipòcritamente mal-resolvido). Blogue de um cético convicto, com a própria ortografia.

Touros em Pamplona

A corrida de touros da Festa de São Firmino, ao longo de um trecho de 850 metros nas ruas de Pamplona, capital do antigo reino de Navarra, atrai milhares de turistas a cada ano. Quando essa festa começou a ser realizada, não sei. Mas essa corrida de touros é algo bem imbecil, certamente. E Ernest Hemingway foi uma das pessoas que ajudou a popularizar essa idiotice.

A última morte causada pelas chifradas dos touros tinha sido a de um turista norte-americano, em 1995. Em 2003, um espanhol de 63 anos teve sua cabeça pisoteada e morreu após passar meses em coma. Nesta sexta-feira, um turista madrilenho morreu com chifradas que lhe perfuraram o pulmão. Com isso chega a 15 o número de mortos desde que a contagem começou a ser realizada, em 1924.

Quanto a nós, certamente torcemos pelos touros. Esperamos que nas próximas temporadas, os touros matem a maior quantidade possível de pessoas – turistas ou navarros.

E aguardamos que um dia as cabeças coroadas da WWF, que tanto tempo levaram para se lembrar que as raposas eram caçadas em solo britânico (aquele mesmo solo que exporta lixo doméstico para o Brasil), lembre-se de fazer alguma campanha mundial pela eliminação das touradas em todo o mundo. Seja na Espanha de Juan Carlos ou no México ou em Portugal. Os touros merecem mais respeito.

Assim como os escravos da Mauritânia, os muçulmanos da China, as 8 minorias lingüísticas da França (único país europeu que não reconhe direitos a suas minorias autóctones), e tantos outros grupos que são esquecidos por esses ongueiros e também pelos órgãos da ONU, que só se lembram de falar daquilo que lhes é fácil e que lhes dá rendimentos financeiros e políticos imediatos.

Anúncios

Comentários em: "Touros em Pamplona" (2)

  1. He he, encontrei o seu post caçando artigos sobre touradas para postar em meu blog. eu ODEIO rodeio e qualquer coisa que possa se assemelhar. O homem é um animal estúpido que não respeita a vida. O touro é um animal inteligente que apenas se defende da ignorância humana.

    Grande abraço!

    Curtir

  2. Um rodeio no Sudoeste de Goiás, no último fim de semana, terminou em tragédia: o touro irritou-se e atacou um desses salva-vidas que ficam para defender os peões com uma chifrada na artéria femural. O salva-vidas morreu da hemorragia. Pena que o agressor, o peão, sobreviveu.

    Curtir

Os comentários estão desativados.

Nuvem de tags

%d blogueiros gostam disto: