Um blogue mal humorado, com aversão ao abominável modismo do "polìticamente correto" (hipòcritamente mal-resolvido). Blogue de um cético convicto, com a própria ortografia.

2013, termine logo, por favor!

2013 mal começou e temos motivos de sobra para xingar com todos os palavrões o ano que se inicia. Sem seqüência de prioridade ou cronológia, já vimos:

  • Uma vereadora (profesora!!!) simulou o próprio seqüestro, em Ponta Grossa – PR, para dar um golpe político na câmara de vereadores.
  • Um sujeito condenado à prisão (do mesmo partido que a vereadora paranaense) pelo Supremo Tribunal Federal assume cargo de deputado federal, na representação de São Paulo.
  • O saldo comércio brasileiro foi o menor de muitos anos e, é claro, registrou-se apenas em função de produtos primários, tal como era o Brasil até o século XIX.
  • A prefeita de Holambra – SP entregou o cargo para o novo titular, mas antes roubou material da prefeitura, inclusive com aquela “prática” de retirar discos rígidos de computadores, para eliminar provas de “maus feitos”.
  • A falta de coleta de lixo, por conta do lixo que são os políticos, provocou inundações, mortes e desabamentos em Xerém, Duque de Caxias – RJ.
  • Um cliente foi esfaqueado e morto pelos donos de restaurante, no Guarujá – SP, por ter reclamado do valor da conta. “Eu só queria furar um pouquinho”, disse um dos assassinos.
  • Cretina Kitchen voltou com as bravatas contra os kelpers serem britânicos. Pura frustração de argentinos, que sempre quiseram ser britânicos e até tinham loja da Harrod’s em Good Airs.
  • Tudo pronto para mais uma abominável seqüência de baixarias do chamado Big Brother.

São dezenas de outras notícias ruins. Nenhuma boa.

2013, termine logo, por favor!

Comentários em: "2013, termine logo, por favor!" (2)

  1. […] nosso pior desempenho no comércio internacional, sabemos que a economia brasileira vai de proa em vento. Vendemos produtos primários, tal como […]

    Curtir

  2. […] nosso pior desempenho no comércio internacional, sabemos que a economia brasileira vai de proa em vento. Vendemos produtos primários, tal como […]

    Curtir

Os comentários estão desativados.

Nuvem de tags

%d blogueiros gostam disto: