Um blogue mal humorado, com aversão ao abominável modismo do "polìticamente correto" (hipòcritamente mal-resolvido). Blogue de um cético convicto, com a própria ortografia.

os atentados da última semana

Atentados na Tunísia, na França e no Kuaite (Coveite, como deveria ser em português, mas eles não gostam, ou então simplesmente “quáiti”).

Pois é, sobre a Tunísia (e seus “irmãos) escrevi:

https://boppe.wordpress.com/2012/11/30/inferno-arabe/

https://boppe.wordpress.com/2014/04/05/eleicao-no-afeganistao/

https://boppe.wordpress.com/2014/06/17/saudades-de-saddam-hussein/

https://boppe.wordpress.com/2015/03/11/hilaria-3/

https://boppe.wordpress.com/2015/03/19/ultimas-noticias/

Sobre a França, recentemente publiquei:

https://boppe.wordpress.com/2015/01/08/la-framsse/

https://boppe.wordpress.com/2015/01/11/la-france-esse-pais-da-segunda-divisao-preso-ao-passado/

https://boppe.wordpress.com/2015/01/21/ue-madama-prefeita-cade-a-liberdade-de-expressao/

Sem contar as vezes em que comentei o famigerado e nefasto multiculturalismo, dentre elas:

https://boppe.wordpress.com/2015/01/09/relembrando-certas-roupas/

https://boppe.wordpress.com/2012/11/23/direito-de-expressao/

Que coisa, né?

O pior é que nossos analistas ainda torcem pela vitória, no próximo ano, da causadora de toda essa desordem, aquela advogada que legalizava grilagem no Arkansas.

Afinal de contas, é sempre bom estar ao lado dos “demos”. (No Brasil, os “demos” são execrados pois representam o lado menos intervencionista do governo, e por isso são tidos como “reacionários”, exatamente o oposto daqueles “azuis” do Grande Irmão.)

Não se preocupem, porém, pois tudo vai piorar.

Vejo o mundo como Roma no século IV, aguardando que os “bárbaros” se convertam.

Ainda bem que depois teremos, então, um longo período de Idade Média. Pode ser a solução.

https://boppe.wordpress.com/2012/08/26/carta-a-um-primo/

De boas intenções o inferno se enche a cada segundo.
Nada está tão ruim que não possa piorar.

Ah, por favor, deixe a preguiça de lado e refresque a memória clicando nos links que inseri neste post.

 

 

 

 

 

 

 

 

Nuvem de tags

%d blogueiros gostam disto: