Um blogue mal humorado, com aversão ao abominável modismo do "polìticamente correto" (hipòcritamente mal-resolvido). Blogue de um cético convicto, com a própria ortografia.

Posts marcados ‘blogue’

Ausência

Tenho me ausentado do blog.

Mudei de cidade (e de unidade federativa).

Demora até as coisas se ajeitarem.

Em breve eu volto a escrever.

Enquanto isso, apenas quero dizer: como é bom ficar fora de certos círculos de histeria coletiva…

imprensa estrangeira

Leiam:

http://noblat.oglobo.globo.com/artigos/noticia/2016/05/deu-no-new-york-times.html

e

http://noblat.oglobo.globo.com/artigos/noticia/2016/05/o-enigma-e-o-ossobuco.html

e também

http://noblat.oglobo.globo.com/artigos/noticia/2016/05/nem-cor-nem-genero.html

E complemento que assim como a “enpreimça duzestaduzunidu” não tem condições de falar de Brasília, menos ainda tem aquele pasquim sindicalista The Guardian para fazer editorial, para apontar (também a partir do rio de janeiro) que o atual ministério do governo brasileiro tem muita testosterona e pouca melanina.

A correção política já acabou. Morreu, fede, mas há gehornallyztas que insistem em mantê-la nos aparelhos.

Em tempo: espero que um dia a BBC volte a ser um órgão confiável, e não um antro de bebês, onde bebe-se para dar emprego ao aparelho “trabalhista” que o tonho blé montou no último governo, e que o davizinho camarão não soube extinguir.

Será que “éçizómi da enpreimça num çábi” que a corrupção também assola a política em seus países? Basta relembrar o casal Clinton…

Gramsci: Fique no Inferno!

 

atualização

Todos os dias eu penso em atualizar o blog,

mas as notícias são tão ruins, tão contraditórias,

que em poucos minutos eu perco a vontade de comentar sobre nosso dia a dia.

 

 

John Kennedy

Todos os dias há pessoas que pesquisas no blog “asasinado de jhon kenedy” e, lògicamente, não encontram o que já escrevi.

Vou colocar o link para o que inseri no blog, quando ocorreu o 50º aniversário da morte do presidente filho de pai mafioso.

https://boppe.wordpress.com/2013/11/22/jfk/

Para quem não tinha nascido, ou não sabe, o acusado Lee Harvey Oswald foi morto a tiros na frente de toda a polícia americana por um bandido mafioso que estava em estágio de câncer terminal, chamado Jack Ruby.

Nada mais apropriado na história da família Kennedy, recheada de “fatos curiosos”.

 

 

intolerante

– Você é um intolerante.

– Eu? Intolerante? Pois acho que você que é um banana.

Aliás, acho que quanto mais as pessoas “se globalizam”, quanto mais “se mesclam em metrópoles”, mais babacas ficam.
Devem sofrer lavagem cerebral no meio do trânsito.
Velhinhas em cidades do interior têm mais juízo do que os alienados que são bombardeados com informações deformadoras.

Aproveita tuas horas paradas e leia:

http://www.independent.co.uk/news/world/middle-east/raif-badawi-saudi-arabia-urged-to-halt-flogging-of-liberal-blogger-sentenced-to-1000-lashes-9967008.html

 

enquanto isso, no cinema, no carro, etc..

Quis inserir um vídeo mp4 de um bando de idiotas que vão ao cinema comer pipoca e não deixam o telefone amebular desligado,

e acabam assistindo um vídeo da VW que mostra que hoje em dia essa geringonça é a maior causa de acidentes automobilísticos.

 

Infelizmente, os donos do wordpress, preocupados em colocar beepbeep e outras criancices na elaboração dos blogues não permitem que esse tipo de anexo seja inserido.

 

Já andava pensando sèriamente em trocar de lugar de hospedagem do blog,

tantas as infantilidades que os desenvolvedores do wordpress inventam para “fingir modernidade’.

Sabem como é, os garotos de programas precisam justificar os empregos.

Agora fiquei mais convencido de que preciso encontrar um outro lugar, mais sério.

UhhhUUU

Pois é, reproduzo o que encontrei no jornal “Meia Noite”, ao qual tive acesso pelo gúgou níus:

O governo anunciou ontem à noite um pacote com medidas duras que afetam a vida de trabalhadores e a concessão de pensões. As mudanças incluem mais rigor para conceder seguro-desemprego, abono salarial, auxílio-doença e pensão. As medidas na área trabalhista eram esperadas, mas a abrangência das mudanças sobre pensões gera uma insegurança futura para milhares de pessoas e devem mudar a forma como os brasileiros e brasileiras encaram a carreira. Em caso de morte do cônjuge, por exemplo, a pensão será de 50% da renda, inclusive para servidores públicos. Conforme a idade, o benefício será extinto após um tempo. As medidas são racionais do ponto de vista de gestão financeira e permitirão economia da ordem de R$ 18 bilhões por ano, mas pegam muita gente de surpresa porque a presidente Dilma ganhou a eleição justamente dizendo que manteria os programas sociais e que seus adversários é que fariam cortes. Os detalhes serão publicados hoje no Diário Oficial da União.

Quem ganha eleição joga fora as promessas antes mesmo de assumir o cargo. Ou re-assumir, nesse caso.

Sempre pergunto onde foi que descobriram que “eleição” é sinônimo de “demo-cracia”. Bem, governo do DEMO, não do povo.

Espero que o Brasil mergulhe logo, por completo, no terreno fecal que plantou.
Merecemos, tal a burrice da “intelectualidade” que ainda apóia os des-governos.
Em troca de uns carguinhos e de uns patrocínios, é claro.

Nuvem de tags