Um blogue mal humorado, com aversão ao abominável modismo do "polìticamente correto" (hipòcritamente mal-resolvido). Blogue de um cético convicto, com a própria ortografia.

Posts marcados ‘incêndio’

Imagem

o incêndio no Museu da Língua Portuguesa

IMG-20151231-WA0000

Anúncios

Incêndio no Museu da Língua Portuguesa

Infelizmente tivemos hoje a tragédia do incêndio no Museu da Língua Portuguesa.

http://sao-paulo.estadao.com.br/noticias/geral,incendio-atinge-o-museu-da-lingua-portuguesa,10000005428

http://www1.folha.uol.com.br/cotidiano/2015/12/1721872-fogo-na-estacao-da-luz-e-dupla-tragedia-para-a-cidade.shtml

http://g1.globo.com/sao-paulo/noticia/2015/12/pericia-apura-o-que-provocou-incendio-no-museu-da-lingua-portuguesa.html

Fiz muitas críticas ao museu, quando o visitei pela primeira vez, há já seis anos.

https://boppe.wordpress.com/2009/04/28/museu-da-lingua-portuguesa/

Espero que, na sua reabertura, em futuro incerto, algo a mais seja incorporado ao Museu.

Excelente ou mediano, o que importa é que fará muita falta à cidade, e ao país inteiro.
Torço pela sua reconstrução no menor prazo possível.

Uma comparação entre Lula e Dilma

Acabei de ouvir no rádio um comentário, em razão do incêndio na boate em Santa Maria:

  • Dilma cancelou os compromissos e imediatamente voou a Santa Maria, para ver a extensão da tragédia.

“Parecidinho” com aquele outro, que:

  1. quando caiu o avião da TAM só recebeu os parentes passado mais de um ano do acidente; ainda por cima, tivemos o desprazer de ver um de seus assessores (ou acessórios, penduricalhos) fazer o sinal de toptop para o caso;
  2. quando houve as enchentes em Santa Catarina, demorou para que ele sobrevoasse o local, de Helicóptero, sem pôr os pés naquelas terras alagadiças. Ficou de longe, e só foi mesmo porque eram muitos os protestos pela omissão evidente de sua majestade;
  3. quando houve os deslizamentos em Angra dos Reis, el-rei continuou a passar o ano novo em Aratu, e não se envergonhou de ser fotografado carregando isopor de bebidas.

Depois a esquerda festiva tem coragem de falar mal de Bushinho, que não foi a Nova Orleans. Não olha para a sujeira do próprio rabo.
Dilma pelo menos soube imitar o Obaobama, que suspendeu a campanha eleitoral quando houve outro desastre natural na Costa Leste dos EUA, em 2012.

Além de colocar a trabalhar todo o governo federal, repassando os recursos materiais e humanos que sejam necessários em Santa Maria, a presença física de um governante, quando ocorre uma tragédia, é uma imposição do cargo. Exceto para autocratas do século XVII. Esses costumavam se esconder em seus palácios alternativos.

Nuvem de tags